7 passos simples para melhorar a sua alimentação

No último post falamos de passos que podem te auxiliar para iniciar a mudança de hábitos. Hoje trago sugestões simples, mas que quando deixadas de lado, podem fazer toda diferença na sua alimentação!

1. Evite alimentos industrializados, principalmente os ultraprocessados

De modo geral, esses produtos são ricos em açúcar, farinhas refinadas, sódio, corantes e conservantes. Mesmo aqueles intitulados como diet, light e etc, podem ser uma armadilha na sua alimentação. Quando for utilizar produtos industrializados, leia o rótulo, verifique se você conhece os ingredientes usados e prefira aqueles com menor número de ingredientes!

Uma dica importante na leitura dos rótulos: a lista de ingredientes é apresentada de forma decrescente, ou seja, os primeiros ingredientes são os que estão em maior quantidade no produto, fique atento nesta composição!

2. Consuma verduras, legumes e frutas

Tão clichê, mas tão deixado de lado! A base da nossa alimentação, em qualquer dieta ou estilo alimentar, precisa ser esses alimentos, eles nos fornecem nutrientes e fitoquímicos para manutenção e melhora da saúde como um todo, e de consequência traz efeitos estéticos desejados, e além disso, através das fibras, melhoramos a nossa saúde intestinal.

O segredo para aumentar o consumo destes grupos alimentares é variar na forma de preparo, consumi-los crus, cozidos, assados ou no meio das preparações, e sempre acompanhados de muitos temperos naturais.

3. Hidrate-se, beba água!

O nosso corpo é constituído por em média 65% de água, diante disso, fica evidente a necessidade diária de água e o quanto a sua falta pode trazer prejuízos na sua saúde e estética. A meta de consumo deve ser de no mínimo 35ml x Peso (kg), ou seja, se eu peso 65Kg, o meu consumo de água deve ser de no mínimo 2,275 litros por dia.

Para aumentar este consumo, tenha sempre uma garrafa de água por perto, e caso tenha dificuldade devido à “falta de sabor”, você pode aromatizar a sua água com gengibre, gotas de limão, canela em pau, hortelã, manjericão… Fica à gosto e criatividade de cada um, teste e veja o que lhe agrada. Mas não esqueça de nos contar os sabores que preparou e o que achou do sabor!

4. Evite o consumo de bebidas alcoólicas

Por aqui não encontramos novidades, sabemos do seu alto teor calórico e aumento da inflamação corporal, a qual já é refletida no dia seguinte, com dores de cabeça e fadiga, reduzindo a nossa produtividade e disposição. Mas a dica que deixo é que quando for consumir essas bebidas, tenha moderação e sempre intercale com o consumo de água, além de se alimentar bem no decorrer do dia!

E particularmente, gosto de reconhecer o porquê dessas escolhas, buscar fazer escolhas conscientes… O que quero dizer é que se você gosta e sente-se bem com o consumo, tudo bem! Mas repare se você não tem feito o consumo apenas para se enturmar ou devido ao “calor do momento” com o pensamento de que precisa daquilo para se divertir. Vale a reflexão, não é?!

5. Tenha um sono de qualidade

Fundamental para nossa qualidade de vida, dificilmente vamos atingir nossos objetivos sem uma boa e reparadora noite de sono, sejam esses objetivos por fins estéticos ou não. Algumas dicas que vão te ajudar a atingir um sono de qualidade: Desligue tudo quando ir para cama, e não falo apenas de aparelhos eletrônicos, mas também de pensamentos e planejamentos! Invista em rituais de sono, você pode tomar uma xícara de chá relaxante antes de dormir, como camomila, mulungu, erva doce ou melissa, iniciar uma boa leitura que te agrade, meditar, tomar um banho quente e relaxante… Crie o seu ritual com base no que te traz relaxamento! E sempre que possível vá cedo para a cama, e o principal, deixe o celular de lado próximo a hora de dormir, nosso corpo precisa de um ambiente escuro para entender que já está na hora de desligar, e a luz do celular atrapalha esse processo! Além disso, evite assistir filmes agitados, ver jornais, ler notícias ruins ou resolver problemas próximo da hora de sono, isso te deixa agitado e dificulta desacelerar seus pensamentos!

6. Melhore a sua relação com a comida

Sou suspeita a falar, mas acredito que o motivo de tantas desordens e excessos alimentares seja a relação que as pessoas tem construído com o alimento, o modo como agimos em relação a comida, de forma desatenta e/ou compulsiva, esquecendo de que o momento da refeição se trata de um ritual completo, entre corpo, coração e mente, desde a escolha dos alimentos, no seu preparo e no ato de comer.

Aprenda a ouvir seus sinais internos de fome e saciedade, entenda porque tem consumido determinados alimentos, você têm descontando frustrações e ansiedades na comida? Tem feito escolhas que nutrem o seu corpo? Você está feliz com as suas escolhas alimentares? Como realiza as suas refeições, em um ambiente agradável ou enquanto resolve problemas do trabalho? São muitos questionamentos que podem te levar à consciência alimentar e determinam a sua relação com a comida!

Esteja presente ao realizar as suas refeições, sinta o cheiro, olhe, mastigue e saboreie o alimento, perceba quando está satisfeito. Se estamos desatentos neste momento, tendemos a não perceber o alimento e nem o quanto consumimos, e com isso, comemos além da saciedade e logo estamos à procura de mais comida!

7. Libere seu estresse e ansiedade, tenha momento para você

Todos precisamos do nosso momento, seja ele assistir um filme, sair em boa companhia ou sozinha (o), dançar, ler ou exercitar-se. Assuma esse compromisso com você, faça diariamente pelo menos uma coisa boa para si mesmo, tenha o seu momento de autocuidado, isso é indispensável. Esses momentos nos trazem conforto e nos deixam de bem com nós mesmos (as). Quando não nos colocamos como prioridades, tudo pode ser motivo ou desculpa para não fazer boas escolhas!

Depois dessa leitura, quais passos você acha que precisa trabalhar? E qual você encontra maior dificuldade? Conte para nós!! A sua dificuldade pode ser a dificuldade do outro também!

Sou Vanessa Venancio, Nutricionista CRN 7330/SC e nesta caminhada o meu papel é lhe motivar, conscientizar, informar e auxiliar a transformar os seus hábitos para que você crie autonomia em suas escolhas e tenha prazer em um estilo de vida saudável com equilíbrio! 💚

Mais de Let'sGym Blog